Amar a Pátria
é um dever de todo o cidadão

Sábado, 22 de Julho de 2006

a quem interessar...

A oferta de Cahora-Bassa
Fernando Gil

Exmos Senhores

Como poderão verificar é Portugal que fica com o ónus de "má fé". Apenas lamento que nunhum Senhor(a) Deputado(a) ainda nada tenha perguntado ao Governo de José Sócrates a razão da "fita" feita na RTP em Novembro de 2005 ao lado do Presidente Armando Guebuza, além de todas as restantes questões que entretanto fui colocando. Da forma que o assunto é exposto até parece que Moçambique tinha "em caixa" o dinheiro para pagamento da contrapartida acordada, o que me parece não ser bem verdade.

A sair hoje em Maputo:

Cahora Bassa é fundamental - diz o presidente Guebuza

O PRESIDENTE da República, Armando Guebuza, considerou o "dossier" Cahora Bassa como sendo o assunto nacional fundamental de momento para o país, ao constatar, com certa satisfação, a maneira insistente como os jornalistas moçambicanos queriam saber um pouco mais sobre o "dossier".

Maputo, Sexta-Feira, 21 de Julho de 2006:: Notícias

 

Já fora do período normal da duração da conferência de Imprensa em Bissau e quando os profissionais da comunicação social tinham já os gravadores desligados, o presidente prosseguiu e comentou nos seguintes termos :
Quero vos dizer que estou muito sensibilizado com a vossa preocupação. Isso demonstra que a Imprensa está preocupada com os interesses nacionais. E isto é que deve ser reflectido, a todo o momento, pois, ajuda a criar os consensos nacionais, também a criar consensos fundamentais não só no país, como também nas pessoas que de fora olham para o nosso país e dizem "estes conhecem quais são os interesses principais" e, neste caso, Cahora Bassa é fundamental.
Situando em seguida aos jornalistas sobre o teor da conversa que manteve com o primeiro ministro português, José Sócrates, Guebuza disse que o governante informou lhe que ainda não estava em condições de assinar o acordo final, uma vez que havia diligências a fazer, e tendo em conta que o acordo foi negociado com Portugal, Moçambique só esperava que este país pudesse honrar os seus compromissos o mais depressa possível.
Guebuza falou com os jornalistas momentos depois de ter conferenciado com o governante português que a seu pedido aproveitou a estada em Bissau para lhe dar o ponto de situação sobre este complexo caso.
O presidente da República lembrou que quando em Novembro do ano passado foi assinado o memorando de entendimento em Lisboa foram definidos prazos que hoje não estão a ser cumpridos.
Perante este novo cenário, que deita por água abaixo o entusiasmo inicial, o "Noticias" quis saber, de forma insistente do estadista moçambicano, se o Governo ainda não tinha esboçado medidas de pressão com vista a forçar Portugal a acelerar o processo, ao que ele respondeu desta forma :
Moçambique manifestou já a sua preocupação de ver o assunto tratado o mais rapidamente possível. Como já disse nós definimos prazos que agora não estão a ser cumpridos. Nós queremos é ver o assunto fechado com a máxima brevidade possível, mas não podemos determinar prazos das diligências que Portugal está a fazer.
A uma outra pergunta sobre o que não teria sido acautelado no acto da assinatura do memorando de entendimento em Lisboa, o presidente disse que "nós sempre trabalhamos na boa-fé e nesta mesma base avançámos convencidos que havia condições para ser assinado o acordo. Só que neste momento, Portugal diz que ainda há diligências por fazer".
Naturalmente, nós temos que aguardar por essas diligências, sublinhou o presidente.
Porque já é público que a entrega de Cahora Bassa está presa à EUROSTAT, uma entidade de registo e controlo contabilístico europeu, questionámos ao presidente se nesta sua deslocação à Europa aproveitaria o momento para matar "dois coelhos numa só cajadada", falando com a EUROSTAT, ao que respondeu peremptoriamente da seguinte maneira :
Eu não negociei com a EUROSTAT, nem com a União Europeia, negociei foi com Portugal e é deste pais que espero a resposta.
ALFREDO MACARINGUE

 
Fernando Gil
MACUA DE MOÇAMBIQUE

Com os meus cumprimentos e desculpas pela insistência

Fernando da Silva Inácio Gil

Cartão de Eleitor da Charneca de Caparica – Almada  nº D-856

 NOTAS FINAIS:

1 - Não tendo todos os Senhores Deputados endereço electrónico público (talvez para não serem incomodados por quem neles votou), solicito que as Direcções dos respectivos Grupos Parlamentares façam o favor de entregar a esses cópia deste texto.

Portugal Ressuscitado editou às 08:18
link do post | comentar | favorito
|

Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18

20
21
22
24
25
26

27
28
29
30
31


Defendendo Olivença


Em defesa do português Oliventino

Olivença back to Portugal

Pesquisar no blog

 

Artigos Recentes

Incrível! Inqualificável!

Sócratres e Olivença

A propósito da REGIONALIZ...

será...

Possivel encerramento...

Relembrando...

Hoje estamos em greve

Sobre o maior português.....

Promoção ou traição?

Retaliação...

Arquivos

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Nossos grupos


Olivença é Portuguesa-msn
Por Olivença (Orkut)
Por Olivença (Gazzag)
Viver Livremente (Yahoo)
Liberdade Cristã (Yahoo)
Liberdade Cristã (Gazzag)
Liberdade Cristã (Orkut)

Nossos sites


Nossos sites & Blogs
Miguel & Sylvia
Homepage de Miguel Roque
Orgulho de ser Alentejano
Liberdade cristã

Nossos blogues


Tuga & Zuca
Filhos & Netos
Caminho de Fé
Busca primeiro o Reino
Liberdade Cristã (blog)
Viver Livremente
Alentejano de alma e coração
Alentejo Abandonado
Meu Alentejo amado
Sonho Alentejano
Povo Lusitano
Amizade, Portuga-Galiza
Aqui fala-se português
Península Ibérica
Península Ibérica-ZipNet
Republica, sim…
Independência em perigo
EU, acredito em Portugal
Portugal Ressuscitado
A Bandeira Vermelha
Bandiera Rossa
A voz do proletário
Olivença é Portuguesa
Jornal de Olivença
No meio do inimigo
Sylvinha em Portugal
Sub-blog do tapete
Vira útil
Chiquinha e nós

Estou no...


Estou no Blog.com.pt

E você, blogaqui?
blogs SAPO

subscrever feeds

tags

todas as tags