Amar a Pátria
é um dever de todo o cidadão


Quinta-feira, 15 de Novembro de 2007

será...

 Caixa Geral de Depósitos
Os Vampiros do Século XXI (não são os únicos)

"Antes de magoar um coração, veja se não está dentro dele."

Eles comem tudo e não deixam nada... 

Mas divulga mesmo por favor

Caixa Geral de Depósitos - Os Vampiros do Século XXI  ou o Socialismo Moderno

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) está a enviar aos seus clientes mais modestos uma circular que deveria fazer corar de vergonha os administradores - principescamente pagos - daquela instituição bancária.

A carta da CGD começa, como mandam as boas regras de marketing, por reafirmar o empenho do Banco em oferecer aos seus clientes as melhores condições de preço/qualidade em toda a gama de prestação de serviços, incluindo no que respeita a despesas de manutenção nas contas à ordem.

As palavras de circunstância não chegam sequer a suscitar qualquer tipo de ilusões, dado que após novo parágrafo sobre racionalização e eficiência da gestão de contas, o estimado/a cliente é confrontado com a informação de que, para continuar a usufruir da isenção da comissão de despesas de manutenção, terá de ter em cada trimestre um saldo médio superior a EUR1000, ter crédito de vencimento ou ter aplicações financeiras associadas à respectiva conta. Ora sucede que muitas contas da CGD, designadamente de pensionistas e reformados, são abertas por imposição legal. É o caso de um reformado por invalidez e quase septuagenário, que sobrevive com uma pensão de EUR243,45 - que para ter direito ao piedoso subsídio diário de EUR 7,57 (sete euros e cinquenta e sete cêntimos!) foi forçado a abrir conta na CGD por determinação expressa da Segurança Social para receber a reforma.

Como se compreende, casos como este - e muitos são os portugueses que vivem abaixo ou no limiar da pobreza - não podem, de todo, preencher os requisitos impostos pela CGD e tão pouco dar-se ao luxo de pagar despesas de manutenção de uma conta que foram constrangidos a abrir para acolher a sua miséria. O mais escandaloso é que seja justamente uma instituição bancária que ano após ano apresenta lucros fabulosos e que aposenta os seus administradores, mesmo quando efémeros, com «obscenas» pensões (para citar Bagão Félix), a vir exigir a quem mal consegue sobreviver que contribua para engordar os seus lautos proventos. É sem dúvida uma situação ridícula e vergonhosa, como lhe chama o nosso leitor, mas as palavras sabem a pouco quando se trata de denunciar tamanha indignidade. Esta é a face brutal do capitalismo selvagem que nos servem sob a capa da democracia, em que até a esmola paga taxa. Sem respeito pela dignidade humana e sem qualquer resquício de decência, com o único objectivo de acumular mais e mais lucros, eis os administradores de sucesso.

Medita e divulga. . . Mas divulga mesmo por favor

Cidadania é fazê-lo, é demonstrar esta pouca  vergonha que nos atira para a miserabilidade social.

Este tipo de comentário não aparece nos jornais, tv's e rádios....Porque será???


OS  VAMPIROS   DO  SÉCULO   XXI

 Relativamente à mensagem remetida, com o título em referência, esclareço o seguinte:

 - A notícia da CGD ( Caixa Geral de Depósitos) tencionar cobrar comissões de manutenção nas contas sem movimento e com saldos inferiores a determinados montantes não é nova: a circular da Caixa para os clientes foi remetida há cerca de um ano. Perante os protestos que levantou nos clientes e na comunicação social a Caixa suspendeu a medida;

 - Existem dezenas de milhares de contas com montantes residuais, de pessoas que, por qualquer razão, tiveram que abrir certas contas e que nunca mais as movimentaram, sendo de admitir até que muitas dessas pessoas já não sejam vivas, e os herdeiros desconheçam esses saldos ou simplesmente não estejam interessados em habilitar – se a eles por o seu montante não compensar o custo quer de dinheiro quer de tempo  das diligências necessárias para obter o proveito;

 - A existência desses milhares e milhares de pequenas contas sem movimento acarreta contudo custos elevados de sistemas informáticos, de pessoal, etc.. Esses custos acabam por reflectir – se nas taxas de juro que são pagas aos pequenos aforradores – e que sem eles poderiam ser um pouco melhores…- ou nas taxas de juro dos empréstimos, que poderiam ser um pouco mais baixas ou ainda nas restantes comissões que a Caixa cobra e poderiam também ser um pouco mais baixas…

 - Poderiam ser simplesmente os lucros um pouco menores, dir–me–ão, e de alguma forma é isso que acontece pois as taxas de juro  são essencialmente ditadas pelas condições de politica monetária fixadas pelo Banco Central Europeu e as restantes comissões pelo nível das praticadas pela concorrência. Mas os lucros da Caixa revertem para o Orçamento Geral do Estado, isto é, para financiar as nossas escolas, hospitais, polícias, etc. Assim, quer directa quer indirectamente, alguém da comunidade está a ser injustamente prejudicado por existirem  custos desses milhares de pequenos saldos em contas esquecidas, sem movimento;.

 Há assuntos que não são fáceis, que têm que ser decididos com ponderação e em que a primeira reacção emotiva que provocam nem sempre é a mais justa…

Fontes desconhecidas, mensagens dum grupo privado

Portugal Ressuscitado editou às 16:48
link do post | comentar | favorito
|

Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18

20
21
22
24
25
26

27
28
29
30
31


Defendendo Olivença


Em defesa do português Oliventino

Olivença back to Portugal

Pesquisar no blog

 

Artigos Recentes

será...

Arquivos

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Nossos grupos


Olivença é Portuguesa-msn
Por Olivença (Orkut)
Por Olivença (Gazzag)
Viver Livremente (Yahoo)
Liberdade Cristã (Yahoo)
Liberdade Cristã (Gazzag)
Liberdade Cristã (Orkut)

Nossos sites


Nossos sites & Blogs
Miguel & Sylvia
Homepage de Miguel Roque
Orgulho de ser Alentejano
Liberdade cristã

Nossos blogues


Tuga & Zuca
Filhos & Netos
Caminho de Fé
Busca primeiro o Reino
Liberdade Cristã (blog)
Viver Livremente
Alentejano de alma e coração
Alentejo Abandonado
Meu Alentejo amado
Sonho Alentejano
Povo Lusitano
Amizade, Portuga-Galiza
Aqui fala-se português
Península Ibérica
Península Ibérica-ZipNet
Republica, sim…
Independência em perigo
EU, acredito em Portugal
Portugal Ressuscitado
A Bandeira Vermelha
Bandiera Rossa
A voz do proletário
Olivença é Portuguesa
Jornal de Olivença
No meio do inimigo
Sylvinha em Portugal
Sub-blog do tapete
Vira útil
Chiquinha e nós

Estou no...


Estou no Blog.com.pt

E você, blogaqui?
blogs SAPO

subscrever feeds

tags

todas as tags